• Gabriela Rangel

𝑅𝑒𝑠𝑒𝑛𝘩𝑎 || 𝐴 𝑃𝑎𝑐𝑖𝑒𝑛𝑡𝑒 𝑆𝑖𝑙𝑒𝑛𝑐𝑖𝑜𝑠𝑎

Ei meus amores, hoje venho aqui falar para vocês sobre esse livro que na minha opinião, merece todo o hype que teve no ano passado! De uns tempos pra cá, eu venho me interessando cada vez mais por thrillers. E fico feliz em dizer que o livro de estréia o Alex Michaelides entregou uma história muito bem feita!

Sinopse: ⁣

Um assassinato, uma verdade oculta. As raízes do silêncio são muito mais profundas do que se pode imaginar.⁣ Alicia Berenson escreve um diário para colocar suas ideias em ordem. Ele é tanto uma válvula de escape quanto uma forma de provar ao seu adorado marido que está bem. Ela não consegue suportar conviver com a ideia de que está deixando Gabriel preocupado, de que está lhe causando algum mal.⁣ Alicia Berenson tinha 33 anos quando matou seu marido com cinco tiros. E nunca mais disse uma palavra. O psicoterapeuta forense Theo Faber está convencido de que é capaz de tratar Alicia, depois de tantos outros falharem. E, se ela falar, ele será capaz de ouvir a verdade?⁣

Alicia e Gabriel viviam uma vida aparentemente feliz. Ela, uma pintora que estava começando a fazer o seu nome no mercado. Ele, um renomado fotógrafo. Eles possuíam uma bela casa e um relacionamento supostamente saudável... até que ela o matou. Alicia disparou cinco tiros contra o rosto de Gabriel, deixando-o irreconhecível, e depois cortou os pulsos em uma tentativa de suicídio. Ela foi socorrida a tempo, mas desde então parou de falar. Muitos consideram seu silêncio uma estratégia para fugir da prisão, já que com a sentença ela é enviada ao Grove, um hospital psiquiátrico. Porém, seis anos se passam, e Alicia continua muda.


Theo Faber é um psicoterapeuta fascinado pela história de Alicia Berenson. Desde que viu Alceste, um quadro pintado por ela, ele coloca na cabeça que há algo mais por trás do silêncio de Alicia. Quando surge uma vaga no Grove, Theo se candidata e é contratado. Ele deixa claro seu desejo de trabalhar diretamente com Alicia, mesmo com todos dizendo que não havia nada que pudesse ser feito para ajudá-la.


Primeiramente, vamos falar sobre os personagens. No início não estava conseguindo me apegar muito a ninguém e não estava nem um pouco a fim de saber sobre a vida amorosa de Theo. Com o desenrolar da história senti uma grande empatia pela Alicia, mas acabei achando ela um pouco cínica no final das contas. O nosso querido Psicoterapeuta precisa ser tratado urgentemente... Achei interessante o fato do autor ter aprofundado tanto em todos os personagens que acabamos inventando mil teorias para entender o que aconteceu.

 

"Não havia tempo a perder: Alicia estava perdida. Desaparecida.

E eu pretendia encontrá-la."

 

Queria dar um grande destaque na escrita do autor. Um enredo extremamente fluido e que me agradou demais, sinceramente, estou muito impressionada com a maestria que ele teve escrevendo a história. Foram 350 páginas que não vi nem o tempo passar. Aquele tipo de leitura que me prendeu do início ao fim. Pra mim não houve decaídas, e sim um autor que sustentou meu interesse por toda a trama.

A divisão do livro em partes e as frases iniciais me agradaram muito, reescrevi todas elas! Achei muito legal o fato de ser intercalado entre o passado visto pelo diário da Alicia e o presente pelo ponto de vista do Theo. Essa leitura entrou pra minha lista de favoritos de 2020 (o que foi um choque, já que só tive 4 livros favoritados esse ano). ⁣Eu não sabia bem o que esperar da obra, só sabia que era um thriller. Quando iniciei a leitura não consegui mais parar. É viciante!


Uma coisa que curti muito foi observar que o autor, que possui descendência grega, utilizou elementos de suas origens em sua história e também fez questão de criar Diomedes, um personagem grego. A mitologia grega presente na história é utilizada de uma forma muito inteligente; você pode até ler a história de Alceste, mas duvido que descubra sua ligação com a trama de A Paciente Silenciosa.

 

“Lembre-se: um amor que não inclui a honestidade não merece ser chamado de amor.”

 

Queria elogiar a edição maravilhosa que a editora Record conseguiu produzir. A capa com textura diferenciada, chegando a imitar um tela, me deixou maravilhada e vale ressaltar a qualidade o texto, que está ótima. A diagramação não apresenta erros de digitação e nem de ortografia.


A Paciente Silenciosa é um enorme quebra-cabeça cujas peças vão se encaixando perfeitamente, capítulo a capítulo... Funcionou bastante no meu ponto de vista e recomendo para todos aqueles que querem começar a lerem o gênero ou ate mesmo para aqueles que estão em uma grande ressaca literária.

 

“Escolher um parceiro num relacionamento amoroso é muito parecido com escolher um terapeuta. Temos que nos perguntar se a pessoa vai ser honesta com a gente, capaz de ouvir críticas, reconhecer erros e não prometer o impossível.”

 

Título: A Paciente Silenciosa

Autor: Alex Michaelides

Editora: Editora Record

Número de Páginas: 350

Nota: ★★★★★ + ❤

Clique aqui para comprar o livro!